Facebook Youtube RSS
Versão para impressão Diminuir tamanho das letras Voltar Página inicial Aumentar tamanho das letras

Notícias

  14/08/2018 

Confira o destaque das principais notícias no informativo semanal do SINDSIFCE

INFORMATIVO SEMANAL SINDSIFCE
Terça-feira, 14 de agosto de 2018
Leia - Comente - Curta – Compartilhe

COMO RECEBER?
Para passar a receber o Informativo via whatsapp, envie mensagem para 85-9858-0145.
Para passar a receber o Informativo via e-mail, envie mensagem para sindsifce@hotmail.com

 

#1 - Nesta quarta, 15/8, acontece em Fortaleza a Marcha contra o Racismo e as Discriminações às Religiões de Matrizes Africanas e Indígenas. Participe!

A marcha acontece em dois horários e locais, nesta quarta-feira: 9h na Barraca Zen Beach, na Praia do Futuro, e 14h no Centro Cultural Belchior, na Praia de Iracema. A construção é coletiva e tem origem no processo organizativo realizado desde a Marcha Contra o Racismo em Março de 2018 no Fórum Social Mundial, ocorrida em Salvador
Saiba mais e confirme presença: https://bit.ly/2nwRA5z

 

#2 - Ministros do STF aumentam o próprio salário para mais de R$ 39 mil e causam revolta nas redes sociais

Cúmplices do processo de golpe no Brasil, do avanço do conservadorismo, da politização do Judiciário, de decisões parciais e de claro viés político, os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) acharam por bem, na semana passada, elevar o próprio salário para mais de R$ 39 mil. O pedido para esse reajuste será enviado ao mesmo Congresso que congelou por 20 anos os investimentos federais em educação, saúde, segurança, infraestrutura, cultura, sob pretexto de necessidade de economia.
Saiba mais: https://bit.ly/2nmX6HG

 

#3 - Enquanto ministros do STF reajustam o próprio salário, Temer quer adiar para 2020 reajuste dos demais servidores federais

Michel Temer vai aceitar recomendação do Ministério do Planejamento que suspende os reajustes salariais ao funcionalismo federal em 2019 e propor que as correções sejam pagas somente a partir de 2020. O Palácio do Planalto já recebeu a proposta do Ministério do Planejamento. A proposta será enviada em breve ao Congresso, a quem caberá a decisão

Saiba mais: https://bit.ly/2MPJAr2


#4 - Derrubada da legalização do aborto na Argentina não freia luta das mulheres

Projeto de lei rejeitado no Senado da Argentina tinha sido aprovado pela Câmara de Deputados em junho; votação aconteceu em meio a protestos na Argentina e em vários países do mundo. Mulheres seguem na luta pelo direito ao corpo e contra os estigmas e preconceitos.
Saiba mais: https://bit.ly/2nAaatg

 

#5 - 155ª PLENA do SINASEFE: descriminalização do aborto, revogação da EC 95/16 e Lula Livre são destaques

A luta pela revogação da Emenda Constitucional 95 (uma das pautas do Dia do Basta - 10/08) e contra a Reforma do Ensino Médio e a BNCC estão entre as deliberações da 155ª PLENA. Realizada em Curitiba-PR, nos dias 4 e 5 de agosto, a plenária também aprovou o entendimento de que o ex-presidente Lula é um preso político, a luta pela descriminalização do aborto, as resoluções do 1º ECOS e as cidades dos Encontros Regionais do SINASEFE em 2018.
Saiba mais: https://bit.ly/2Moq88a

 

#6 - Trabalhadores e trabalhadoras do IFCE e de toda a rede federal de educação se mobilizaram no 10 de Agosto, Dia do Basta!

Milhares de trabalhadores organizados nas seções sindicais do SINASEFE se mobilizaram na última sexta-feira (10/08). Convocado pelas centrais sindicais, o Dia do Basta teve o objetivo de denunciar nas ruas os ataques aos direitos trabalhistas e aos serviços públicos. No caso da categoria da Rede Federal de Ensino, a denúncia da BNCC e da Reforma do Ensino Médio foram recorrentes.
Confira um resumo das atividades no Ceará e no Brasil: https://bit.ly/2KSoirk

 

#7 - No Brasil, a cada 48s um trabalhador sofre acidente de trabalho e um morre a cada 24h 

Uma situação generalizada de insegurança, acidentes e mortes. Infelizmente, assim pode ser descrita a realidade do ambiente de trabalho no Brasil. Segundo dados do Observatório Digital de Saúde e Segurança do Trabalho, do Ministério Público do Trabalho (MPT), o país registrou cerca de 4,27 milhões de acidentes de trabalho de 2012 até esta terça-feira (14). Os números equivalem a um acidente a cada 48 segundos. Desse total, 15.913 resultaram em mortes: um óbito a cada 3h38m43s.
Saiba mais: https://bit.ly/2MvwnXS

 

#8 - Censurado pela grande imprensa brasileira, Lula tem espaço no Ney York Times para falar de sua luta pela democracia e contra a impunidade

Censurado por toda a mídia conservadora brasileira, Lula é destaque nesta terça (14) no mais importante jornal do planeta, o The New York Times. O jornal publicou artigo de Lula com a a seguinte advertência aos leitores: "O ex-presidente do Brasil Luiz Inácio Lula da Silva escreveu este artigo de opinião da prisão". O jornaldeu como título: "Lula: Eu quero democracia, não impunidade" e destacou: "Há um golpe de direita em andamento no Brasil, mas a justiça prevalecerá". Nesta quarta-feira uma grande caravana de manifestantes e movimentos sociais estará em Brasília para acompanhar o registro da candidatura de Lula à presidência da República
Leia a íntegra do artigo: https://bit.ly/2MczkNv

 

#9 - 12 anos da Lei Maria da Penha: Brasil ainda é o 5º no ranking da violência contra as mulheres

Em 2001, a Comissão Interamericana de Direitos Humanos da Organização dos Estados Americanos (CIDH/OEA) condenou o Brasil por omissão, negligência e tolerância em relação a crimes contra os direitos humanos das mulheres. O Brasil se sentou no banco dos réus com o caso emblemático da biofarmacêutica Maria da Penha, vítima de duas tentativas de homicídio, ocorridas em 1983. Havia 18 anos que o caso tramitava no Judiciário brasileiro sem sentença definitiva, e o agressor seguia em liberdade, situação que só mudaria após os desdobramentos da condenação pela corte interamericana.
Saiba mais: https://bit.ly/2MkUSqz

 

#10 - Aos 76 anos, Gilberto Gil lança novo disco e novo programa de TV, refletindo sobre a arte e a "melhor idade". Confira entrevista

Existe uma plenitude no olhar de Gilberto Gil, de quem passou por uma tempestade e saiu ileso. Mas Gil não fez essa travessia sozinho. Ao seu lado, estavam família, velhos amigos, novos amigos. Em 2016, o músico fez tratamento para insuficiência renal. Veio, então, a apreensão. E criou-se uma rede de amor ao seu redor, que ele, como compositor, captou e transformou em música. Nesse período de tratamento e recuperação, compôs de 4 a 5 músicas. A elas, uniram-se outras canções inéditas e, juntas, deram origem a seu novo disco, Ok Ok Ok, já disponível em vinil, CD e no Apple Music, e a partir do dia 17, em todas as plataformas digitais. É o disco mais afetivo de sua carreira. “Sem dúvida”, concorda o músico, aos 76 anos.
Confira entrevista: https://bit.ly/2MkikEV

Última atualização: 21/08/2018 às 11:11:48
 
Versão para impressão Diminuir tamanho das letras Voltar Página inicial Aumentar tamanho das letras

Comente esta notícia

Nome
Nome é necessário.
E-mail
E-mail é necessário.E-mail inválido.
Comentário
Comentário é necessário.Máximo de 500 caracteres.
código captcha
Código necessário.

Comentários

Seja o primeiro a comentar.
Basta preencher o formulário acima.

FONES  (85)  3223-6370 / 99858-0145 FAX  (85)  3281-0209 sindsifce@hotmail.com
SINDSIFCE - Sindicato dos Servidores do IFCE
Rua Aratuba, Nº01-A, Benfica - Fortaleza - Ceará
CEP 60040-540  /  CNPJ 23.563.257/0001-57
desenvolvimento www.igenio.com.br